Boas dicas para a ceia de Natal

23 dez

Sabrina Demozzi

Bem minha gente, decidi finalmente o que fazer no Natal. Vai ser bem simples, porque não quero passar horas comprando e nem horas cozinhando. Fui hoje cedo no mercado municipal comprar uns temperos para a marinada do meu peru, e quase fiquei louca com a quantidade de gente que estava lá. Eu não gosto muito de lugares cheios… Para resolver esse problema, tomei um café e fui ao meu sebo preferido. Tinha um livrinho de receitas de Natal a pequenos R$ 2,50. Receitas simples, que eu vou incrementar com caldos feitos no dia e alguns retoques, coisa que dá pra qualquer um fazer. Se não der tempo de ir até algum sebo, vá até uma banca e compre alguma revista para te inspirar. Minha sugestão é a lindíssima “Gosto” que traz uma receita ótima para um Natal à brasileira. A revista custa R$ 11,90 e é coordenada por J. A Dias Lopes, um dos maiores conhecedores de gastronomia do Brasil.

A outra, também excelente, é a revista “Menu” que além de receitas para o Natal traz uma ótima matéria sobre réveillon na praia. Também sai por R$ 11,90.

Pra quem vai de chester, novamente indico o site da Perdigão. O bacana são as sugestões de ceias prontas (ingredientes fáceis de achar e baratinhos) eles indicam desde a entrada até o prato principal e dividem por nomes temáticos (Ceia Diamante, Ceia Festiva e outras). O link direto é: http://www.chester.com.br/index.asp.

 

Chester com Risoto de três grãos e Hortelã

 
Além disso, nos sites dos grandes portais, em especial no Terra Culinária, sempre tem dicas boas: http://culinaria.terra.com.br/. Eles estão com uma matéria de destaque que é pra quem não quer se incomodar cozinhando, encomendar a ceia. É uma boa maneira, mas lembre-se tem que ser pedido com antecedência.   
Anúncios

Uma resposta to “Boas dicas para a ceia de Natal”

  1. wagner dezembro 29, 2009 às 1:34 am #

    Ah, essa música do Jorge Ben Jor, na voz da Fernanda Abreu, é bonita demais!

    Feliz Ano Novo, tentarei seguir as recomendações do post (exceto a da receita).

    Pra terminar, com outra música:

    Desesperar jamais
    Aprendemos muito nesses anos
    Afinal de contas não tem cabimento
    Entregar o jogo no primeiro tempo

    Nada de correr da raia
    Nada de morrer na praia
    Nada! Nada! Nada de esquecer

    No balanço de perdas e danos
    Já tivemos muitos desenganos
    Já tivemos muito que chorar
    Mas agora, acho que chegou a hora
    De fazer Valer o dito popular
    Desesperar jamais
    Cutucou por baixo, o de cima cai
    Desesperar jamais
    Cutucou com jeito, não levanta mais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: