Arquivo | janeiro, 2010

Oba! Piquenique!

29 jan

Escrevi uma matéria para o Canal Mulher do MSN sobre piquenique. Que tal dar uma olhadinha e postar seu comentário lá?

http://msn.bolsademulher.com/familia/oba-piquenique-98115-1.html

Anúncios

A saga do Salty continua

29 jan

As coisas não estão fáceis para o saleirinho fofo da Knorr. Depois de todo aquele sofrimento, ao perder seu posto, ele agora precisa encontrar um trabalho e também um amor. Confira nos vídeos abaixo:

E ele tentando namorar pela web.

“A paixão. A paixão move a vida.”

27 jan

Ontem, pontualmente às18h30, Ferran Adriá respondia aos internautas as perguntas sobre a notícia do fechamento do El Bulli entre os anos de 2012 e 2013. Parece longe, mas tente reservar uma mesa para este ano ou ano que vem, tenho quase certeza de que não conseguirá. Aparentemente bem-humorado, citou até, em sua mensagem de despedida uma frase do filme Ratatouille que ele criou (Comer bem alimenta a alma) e disse que a ideia agora é reinventar. Selecionei algumas perguntas mais interessantes:

Internauta- Que outro restaurante recomendaria na ausência do El Bulli?
Ferran Adriá- Graças a Deus, não falta, temos grandes restaurantes da Espanha, desde locais que vendem tapas até os seis estrelados, fora o El Bulli. Comer se come igual, com ou sem El Bulli.

I- Qual foi a vez que sentiu que comeu melhor do que nunca?
FA- Ser cozinheiro tem um privilégio, que é comer bem muitas vezes. Porque para ser cozinheiro antes tem que ser um bom comensal.

I- Esse fechamento. Você supõe reinventar o El Bulli ou simplesmente se tratará de uma ampliação do receituário?
FA- A palavra é reinventar. Nossa intenção é um passo adiante, que passa por reinventar-se dentro de uma maneira de entender a cozinha, a vida, mas o objetivo é dar um grande passo.

I- Quais são as qualidades ou virtudes mais importantes que deve ter um chef para colaborar em seu restaurante? O que você considera mais?
FA- A paixão, a paixão move a vida. E no trabalho, tem que ser o primeiro motivo.

Ferran Adriá anuncia que o El Bulli vai fechar as portas entre 2012 e 2013

26 jan

Sabrina Demozzi com informações do El País

O chef Ferran Adrià anunciou na Madri Fúsion 2010 que vai fechar as portas do El Bulli entre 2012 e 2013. No entanto, o restaurante, eleito cinco vezes como o melhor restaurante do mundo, permanecerá aberto como laboratório de pesquisa na área. Ele vai dar mais informações hoje, às 18h30 sobre quais são as suas razões para o fechamento do famoso restaurante. É claro, que o temperomental vai acompanhar o bate-papo, enviar perguntas e depois postar aqui.

Nestlé Professional ajuda quem quer ingressar no ramo da alimentação

24 jan

Sei que a notícia não é relativamente nova, mas ela vem bem a calhar nesse momento aqui no blog. A Nestlé tem um serviço on-line que disponibiliza receituários dos mais diversos tipos de alimentos voltados para quem quer trabalhar com isso. Antenados com o mercado, eles citam inclusive, como ganhar dinheiro com a tendência da vez em festas, que são as mini-porções.
Você vai encontrar dicas importantes em modos de fazer, vender e embalar o que produz. Tem de “Doces e Lucrativas Receitas”, “Festas”, “Chocolate”, “Trufas” e outros. Tudo muito ilustrado, explicado passo a passo com informações indispensáveis. Eu estou vendo agora o de “Festas” e já vi informações que eu nem tinha ideia: eu não sabia, por exemplo, porque as docerias preferem fazer bolos redondos. Quer saber também?

A bola da vez

Não é à toa que as grandes confeitarias optam por vender seus bolos no formato redondo. Ele traz uma série de vantagens sobre os quadrados ou retangulares.

• O calor do forno se distribui mais regularmente em uma forma arredondada, permitindo que a massa asse mais uniformemente e a garantindo qualidade final de seu produto.

• Formatos redondos são mais fáceis de serem decorados e de combinar com os elementos de decoração da mesa, facilitando bastante a montagem do arranjo. Por isso, os bolos redondos são mais procurados por quem organiza festas.

• Mesmo respeitando seu formato, o bolo pode ser cortado em fatias quadradas, em sentidos perpendiculares. Renderá mais e as fatias ainda serão mais harmônicas!

• Um bolo redondo, de aro 24 cm, rende 16 fatias de 100g cada.
(Fonte: Receituário “Festa” da Nestlé Professional)

Para mais receituários, confira em: http://www.nestleprofessional.com

Como fazer petiscos em casa

13 jan

Sabrina Demozzi

Sou daquelas que volto ou não em um bar por causa dos petiscos. Adoro. Petiscos são alimentos relativamente fáceis de fazer e sempre fazem a diferença em um bar. Sempre que tem esses festivais como o “Boteco Bohemia” e o “De Bar em Bar” surgem invenções interessantíssimas, ainda que se comparado a São Paulo, por exemplo, ainda falte aos criadores doses de ousadia. Eu de vez em quando invento uns petiscos e gosto de harmonizar com cervejas especiais. Ou ainda drinques refrescantes. Vou dar as dicas e postar vídeos sobre alguns petiscos clássicos. Vamos?

Pastéis diferentes- Pastel combina muito com bar. É barato, rápido de fazer, mas as pessoas ainda insistem nos mesmos. Claro que mesmo assim eu adoro. Fiz esses dias pasteizinhos de soja com uvas passas, ricota com cenoura. O de escarola ficou bom, mas cuidado, porque ela solta água e quase que furou a massa. Pastel de gorgonzola com pêra, também fica bom. Simples: defina os sabores, compre as massinhas prontas, recheie com o que preferir, pincele as bordas da massa para prender bem e frite em óleo muito quente.

Bolinho de feijoada ou de feijão– Como todos sabemos acarajé é feito de uma pasta de feijão fradinho. Por que não partir do mesmo princípio e fazer bolinhos de feijoada ou feijão? Uma vez o Claude Troisgros fez um de feijoada recheado com couve e bacon. Na internet você encontra várias versões da receita, inclusive dos pioneiros da criação que inspiraram o Claude. Eu adaptei para feijão pré-cozido. Simples: Bata no liquidificador o feijão (ou feijoada) previamente temperado. Leve para o fogo e vá acrescentando a farinha de mandioca crua (aos poucos, para não empelotar) quando virar um tutu e começar a soltar da panela, você retira e leva a um recipiente de vidro para esfriar. Depois é só moldar as bolinhas, passar na farinha de trigo e fritar em olho bem quente. Se quiser, recheie com couve à mineira. Ah! Tem que secar bem a couve. Fica uma delícia e rende demais.  

          
Quer petiscar, mas evitar calorias grátis? Faz sentido. A combinação fritura+cerveja é condenada pela maioria dos nutricionistas. Então, em algum dos dois você vai ter que maneirar se não quiser ganhar alguns quilos. Aqui em Curitiba, tem 1 lugar acho que faz petiscos assados, o bar Plano B ,na Almirante Tamandaré. Mas, se você for fazer em casa, compre aqueles pães para wraps (tem a versão light, com metade das calorias) e recheie com carne magra, pimentões coloridos e creme azedo (feito com iogurte natural, limão, azeite e pimenta). Enrole e sirva. Levinho, levinho.

Triângulos crocantes de pão integral– Faça uma versão de nachos light e sirva com molhinhos gostosos. Você corta as fatias do pão integral em triângulos e passa o rolo de macarrão para eles ficarem chatinhos. Leva ao forno para tostar e depois faz molhinhos: guacamole, molho picante, iogurte natural, frango desfiado com queijo cotagge. Ainda tem a famosa carne de onça, caldinhos, fritatas… Ai que fome.

Mas, enquanto isso, que tal aprender segredos dos clássicos? Quer aprender a fazer batatas fritas perfeitas? Confere o vídeo:

E bolinho de bacalhau? Clássico dos clássicos!

Petiscos de boteco

12 jan

Salve, salve temperomentais! Já estão com tudo em 2010 ou ainda estão ensaiando alguns passos? Por aqui, venho adiantar que em breve vamos ter uma novidade pra lá de gostosa. Como diria o Sílvio Santos, aguardem…  Enquanto isso, vou postar dicas de petiscos de boteco pra fazer em casa. Muita gente procura por essas receitas e eu vou dar algumas sugestões, ok? Fáceis, baratas e gostosinhas.