Remando contra a maré

14 set

Sabrina Demozzi

Como falei no post anterior li recentemente o livro de Miguel Sen “Luzes e Sombras no Reinado de Ferran Adriá” (2009) publicado pela Editora Senac- São Paulo. Já havia ouvido falar do livro, mas só agora tive a oportunidade de entender o porquê o livro causou tanta polêmica.

Em parte é compreensível já que o autor, um jornalista e crítico gastronômico catalão, faz uma crítica contundente à “cozinha espetáculo” de Ferran Adriá e levanta a questão de que o chef catalão criou uma tendência que não admite críticas, mas sim gera legiões de imitadores pelo mundo. Para o jornalista, há também excesso de adulação e uma cultura de *normose em relação à gastronomia, favorecida em grande parte pelo grande apelo midiático que a gastronomia molecular trouxe.

Uma discussão bastante pertinente e que traz além da crítica ao método de Ferran Adriá um outro debate: o da aceitação incondicional de verdades no mundo da gastronomia. Estas verdades vão passar por diversos campos: saúde, nutrição, métodos culinários e a espetacularização da culinária. Cada uma destas verdades vai trazer um tipo de implicaçãoe cada uma possui características bem distintas em sua linguagem, métodos e discursos.

O foco que mais me chamou  a atenção no livro de Sen, já que sou jornalista também e trabalho com isso, é realmente o fato da “cozinha-espetáculo”. A discussão não é ser a favor ou contra, mas sim levantar a questão para uma cultura gastronômica que cada vez mais se afasta de suas raízes para apresentar *simulacros de uma gastronomia regional, contemporânea ou molecular. Sen vai fundo e diz que ao contrário do que o mundo pensa, Adriá não cria nada, mas sim reinventa em cima do que já existe, o que não deixa de ser verdade.

O livro de Miguel Sen é uma excelente maneira de exercitarmos nosso pensamento crítico em relação à mídia gastronômica. Pelo menos pra mim, este exercício é importante para questionar, levantar questões e sugerir outras informações diferentes das que comumente costumamos ver. Em alguns momentos, o livro é um tanto “agressivo” e se mostra um pouco conservador, mas a leitura é válida.        

   

Luzes e Sombras no Reinado de Ferran Adriá

Autor: Sen, Miguel

Editora: Senac São Paulo

Categoria: Gastronomia / Alimentos

R$ 58,00

* Glossário: normose- “A normose pode ser definida como o conjunto de normas, conceitos, valores, estereótipos, hábitos de pensar ou agir, que são aprovados por consenso ou pela maioria em uma determinada sociedade.”

Simulacro- s.m. Imagem, cópia ou reprodução imperfeita.
Aparência, semelhança, arremedo: simulacro de governo.
Fingimento, simulação: simulacro de combate.

Anthony Bourdain fez há um tempo atrás uma “incursão” pela gastronomia molecular de Ferran Adriá em uma visita ao El Bulli. Vale como ilustração.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: